António Costa diz que "nunca teve o menor sinal de suspeita" de Sócrates

António Costa admitiu que as suspeitas de corrupção sobre José Sócrates foram traumáticas para o PS e garante nunca ter desconfiado da conduta do ex-primeiro-ministro com quem manteve uma relação de amizade. Foram declarações no programa Circulatura do Quadrado da TVI24.

VEJA TAMBÉM