António Costa rejeita ter sido permissivo com britânicos

O primeiro-ministro considera um "equívoco" a ideia de que portugal foi permissivo com a entrada de turistas britânicos. 

Enquanto se defendia das críticas da chanceler alemã, pediu uma ação coordenada da união europeia quanto às fronteiras.

Sobre "Jornal da Uma"