Aquacultura de mexilhões em Sagres pode acabar com sustento de 250 famílias

Há mais de 30 anos que Rui Conceição faz do mar de Sagres o sustento da família, mas esta é uma atividade que pode estar ameaçada.

A possível instalação de mais uma aquacultura de mexilhão em mar aberto preocupa quem trabalha com pequenas embarcações. 
 

Sobre "Jornal da Uma"