Argentinos detidos em Portugal condenados a 18 anos de prisão

Dois dos homens mais procurados pelas autoridades argentinas foram condenados a 18 anos de prisão por roubos violentos a bancos em Odivelas e Cascais. O julgamento foi no tribunal de Monsanto sob fortes medidas de segurança