AstraZeneca espera ter vacina contra a covid-19 até ao final do ano

França ultrapassou pela primeira vez a barreira dos dez mil casos diários da covid-19. Nunca tal tinha acontecido desde o início da pandemia.

Numa altura em que aumentam os receios sobre a maior gravidada da segunda onda, a farmacêutica AstraZeneca anunciou que já retomou os testes à vacina e que ainda tem esperança que chegue até ao final do ano.

Sobre "Jornal da Uma"