Ataques de França e da Rússia matam 33 jihadistas em 72 horas na Síria

Dez aviões franceses envolvidos no ataque a Raqqa na terça-feira. A Rússia enviou bombardeiros de longo alcance para atacar alvos na Síria