Atleta bielorussa denuncia ameaças: "Tornaram claro que iria enfrentar algum tipo de punição"

A atleta olímpica da Bielorússia que se encontra refugiada na embaixada polaca em Tóquio diz que foi ameaçada com represálias, caso recusasse regressar ao país. 

O Comité Olímpico Internacional abriu entretanto uma investigação ao caso da velocista, a quem Varsóvia já concedeu um visto humanitário. 

Sobre "Jornal das 8"