Banco de Portugal: “Ninguém percebe a vontade de perseguir Mário Centeno”

António Costa lembrou que Mário Centeno foi o único Ministro das Finanças em Portugal a fazer parte de um Governo por dois mandatos consecutivos e a estar cinco anos no cargo.

É normal e temos de respeitar. Tudo tem um ciclo na vida”, referiu.

O Primeiro-ministro garantiu ainda que Centeno tem todas as competências para assumir o cargo de governador do Banco de Portugal e não entende a “perseguição” ao ex-ministro das Finanças feita por alguns partidos políticos.

Leis com função de perseguir pessoas são inadmissíveis num estado de direito democrático”, reiterou.

Sobre "Notícias"