Canábis na Maia: suspeitos ficam em preventiva por perigo de fuga

Ficam em prisão preventiva os 3 suspeitos detidos no âmbito da megaoperação da PSP que apreendeu mais de uma tonelada de canábis na Maia. O tribunal de Matosinhos justificou a medida de coação com o perigo de fuga e de perturbação de inquérito.