Carros híbridos: «Acabam por gastar tanto ou mais do que um automóvel convencional»

Pedro Nunes da Associação Zero explica que os carros híbridos, geralmente, são de gama alta, pesados, pouco aerodinâmicos, que têm consumos elevados e com uma autonomia muito baixa, daí serem predominantemente utilizados em modo convencional.

O especialista critica o facto de, apesar de serem veículos muito poluentes, usufruírem de benefícios fiscais por serem considerados “amigos do ambiente”.

Sobre "Notícias"