Caso BPP: João Rendeiro condenado por falsidade informática e falsificação

O ex-presidente do Banco Privado Português, João Rendeiro, foi condenado a cinco anos e oito meses de prisão efetiva.

A decisão do Tribunal da Relação surge no seguimento do recurso apresentado pelo Ministério Público.

Sobre "Jornal das 8"