Centenário do Armistício: Macron criticou ao nacionalismo e "obscurantismo"

A cerimónia oficial do Centenário do Armistício aconteceu esta manhã em Paris. Às 11 da manhã, hora francesa, foi lembrada a assinatura do acordo que pôs fim à 1ª Grande Guerra. Emmanuel Macron, presidente francês, lembrou que a paz conseguida há cem anos deve ser uma lição para todos os povos do mundo nos dias de hoje.