“Chamarem-me pelo nome masculino era uma tortura que deixava de existir”

No espaço de investigação “Alexandra Borges”, a TVI recebeu o jovem André Carvalho, um transexual que deu o testemunho de como é frequentar uma escola e ter estas dificuldades, nomeadamente na ida à casa de banho. Recorde-se que, já neste ano, o Governo aprovou um decreto-lei que permite que os transexuais possam dirigir-se à casa de banho de acordo com o sexo com o qual se identificam.

Sobre "Alexandra Borges"