João Botelho: plataformas como a Netflix "não são investimentos, são roubos"

Dezenas de estudantes e profissionais do cinema manifestaram-se esta terça-feira contra a proposta de lei que transpõe a diretiva europeia sobre audiovisual. O protesto acontece no dia em que os deputados terminam a votação, na especialidade, da proposta de lei para acomodar uma diretiva comunitária sobre serviços de audiovisual.

Para os manifestantes, esta proposta de lei entrega a especificidade do cinema português às multinacionais que passam a estar isentas das taxas que são aplicadas aos operadores tradicionais portugueses.

Sobre "Diário da Manhã"