Cirurgia inovadora: "Estava impossibilitada de fazer tudo"

A estimulação cerebral profunda permite tratar os sintomas de algumas doenças muito debilitadoras, relacionadas com o sistema nervoso central, como parkinson, anorexia, obesidade ou depressão. Helena Coelho, doente de distonia, foi submetida a esta cirurgia revolucionária que mudou a sua vida. O depoimento desta paciente no Jornal das 8 da TVI