Condutora da Uber raptada e violada em Monsanto

Uma mulher de 39 anos foi encontrada no parque florestal de Lisboa, alegadamente vítima de rapto e violação. Ao que tudo indica, seria condutora da Uber e deu o alerta aos colegas, que conseguiram localizar o carro no parque. Com a ajuda de uma patrulha de trânsito da PSP, a mulher acabou por ser encontrada numa zona de mato, perto do carro, e foi transportada para o hospital de Santa Maria. No local estiveram elementos da PSP e também da Polícia Judiciária, que está a investigar o caso.