Constâncio diz que CGD podia ter atuado para reaver os 350 milhões concedidos a Berardo

O vice-governador do Banco Central Europeu diz, agora, que a Caixa podia ter atuado para reaver o dinheiro, já que o Banco de Portugal, a que presidia na altura, estava de mãos atadas.