Covid-19: "Do que sabemos, felizmente as crianças não são afetadas de forma grave"

 

Doutor Jorge Amil Dias, presidente do colégio da especialidade de pediatria da Ordem dos Médicos, afirmou esta sexta-feira que as evidências mostram que as crianças não têm sido afetadas de forma muito grande pela doença.

O especialista defendeu que a grande maioria das crianças pode voltar ao ambiente escolar com segurança.

Sobre "Notícias"