Covid-19: mercado de máscaras saturado e com exportações difíceis devido à certificação

A produção de equipamento de proteção individual à Covid-19 foi um balão de oxigénio para a indústria têxtil.

Em maio, fabricava-se um milhão de máscaras por dia em Portugal, mas agora o mercado está saturado e as exportações são difíceis devido à certificação.

Sobre "Jornal das 8"