Covid-19: "Não podemos ter a ilusão de que o caminho vai ser fácil depois de ter uma vacina"

A farmacêutica norte-americana "Moderna" anuncia uma vacina contra covid-19 com perto de 95% de eficácia. A empresa ultrapassa mesmo os valores anunciados pela concorrente Pfizer e deverá ter aprovação para utilização pública desta vacina nas próximas semanas. 

Miguel Castanho, investigador principal no Instituto de Medicina Molecular, explicou, esta segunda-feira, na TVI24 as especificidades destas duas vacinas e dos desafios que ainda estão por ultrapassar.

Sobre "Notícias"