Covid-19: "Os médicos querem férias, não para ir para festas, mas para descansar a cabeça"

Jorge Roque da Cunha, presidente do Sindicato Independente dos Médicos, reagiu, esta quarta-feira, na TVI24, à notícia da suspensão de férias para os profissionais de saúde, que acredita serem reflexo da falta de capacidade do Governo em organizar uma resposta eficaz ao combate à pandemia.

O líder sindical acusou o Governo de falta de competência e criticou a ministra, afirmando que Marta Temido queria mostrar "que estava a fazer qualquer coisa". 

Sobre "Notícias"