Covid-19: “Se as autoridades me mandarem para casa tenho de obedecer?”

Telmo Semião, sócio da CRS Advogados, diz que se alguém for abordado pelas autoridades, sem ter um motivo válido não está a cometer qualquer crime. No entanto, o especialista realça que se deve cumprir as ordens das autoridades.

Sobre "Covid-19: Consultório"