Cristas ao ataque por causa do caso de Tancos

Assunção Cristas endureceu o discurso por causa do caso de Tancos e diz que foi o maior escândalo da vida democrática portuguesa.

Num jantar comício em Aveiro, a líder do CDS garantiu que recebeu mensagens para não falar, mas diz que não tem medo do Partido Socialista.

Sobre "Jornal da Uma"