Depoimento de menina de 7 anos foi crucial para condenar violador do Seixal

Foi condenado a 12 anos de prisão efetiva o homem que raptou e violou uma criança de sete anos, em setembro. O tribunal de Almada considerou que os danos psicológicos são irreversíveis e obrigou o criminoso a pagar 30 mil euros de indemnização à vítima.

Sobre "Notícias"