Depois do vórtice polar, os EUA vêem os termómetros subir quase 40 graus

Após varrer os Estados Unidos e parte da Europa com temperaturas recorde, o fenómeno polar vai começar a dissipar-se este fim de semana. Esperam-se subidas de quase 40 graus celsius. Mas do outro lado do mundo os termómetros disparam para o lado oposto. A Austrália registou o mês de janeiro mais quente de sempre.