Depois dos insultos racistas, Moussa Marega aponta o dedo ao árbitro

Os insultos ao jogador do Porto começaram ainda antes do início da partida. Depois do golo de Marega os adeptos lançaram cadeiras para o relvado. O treinador do Porto e os colegas ainda tentaram acalmar o atleta, mas o jogador recusou ficar em campo.

Sobre "Jornal da Uma"