Deputados riem-se no início do discurso de Theresa May

"Se a votação fosse amanhã, o acordo seria rejeitado por uma margem significativa. Por isso, vamos adiar a votação" do Brexit, anunciou a primeira-ministra britânica