Nuno Pardal já reagiu, após o plenário convocado pelos sindicatos de motoristas, este sábado. A greve marcada para segunda-feira mantém-se por tempo indeterminado.