“A primeira parte foi um treino defesa-ataque”

Portugal foi avassalador desde os primeiros instantes frente à Lituânia. Cândido Costa destaca a facilidade com que Portugal conseguiu criar lances de ataque.

Sobre "Mais Bastidores"