Português estreia-se no Mundial de surf adaptado

Nuno Vitorino sofreu um acidente que o deixou tetraplégico, mas nunca desistiu da paixão pelas ondas