Deus e o Diabo: a frase, o pior e o melhor da semana

Esta semana, José Eduardo Moniz escolheu como frase da semana uma afirmação de Antonoaldo Neves, presidente executivo da TAP, a propósito dos polémicos prémios que a empresa atribuiu a alguns dos seus funcionários. No lugar de Pior da Semana, ficou Victor Constâncio, por ter tido "a mais cara falha de memória até agora conhecida": as operações que, em 2007, permitiram a Joe Berardo levantar na CGD 350 milhões de euros. Já no lado oposto, o Melhor da Semana, foi eleito Cristiano Ronaldo por marcar os três golos da vitória de Portugal frente à Suiça