Doentes obrigados a deslocações de 100 kms com centro de hemodiálise parado à porta

Acontece na Benedita, concelho de Alcobaça. A unidade de hemodiálise está licenciada e a funcionar há dois anos, mas continua sem receber doentes por falta da convenção com o Ministério da Saúde. Entretanto, há doentes que, só em deslocações, custam mais de mil euros por mês ao estado.