É uma receita simples e um sinónimo de Natal, em Portugal

A falta de peixe fresco popularizou esta receita, que agora é sinónimo de Natal, no nosso país. É assim há 500 anos. Resultado de uma penitência imposta pela Igreja, que proibia as pessoas de comerem carne na ceia de Natal

Sobre "Notícias"