Algarve foi a região mais afetada pela falta de combustíveis, onde não houve reposição durante a tarde do primeiro dia de greve. Há postos pertencentes à rede estratégica em que ainda não é possível abastecer.