Comunicações: fatura simplificada em papel não pode ser cobrada

Regulador das comunicações não tem dúvidas que qualquer cidadão tem direito a receber uma fatura simplificada em papel ou eletrónica de forma gratuita, O presidente da ANACOM admite ir até ao Parlamento, se for preciso

Sobre "Diário da Manhã"