Novas regras contributivas para trabalhadores independentes já em janeiro

Contribuições passam a ser calculadas com base nos rendimentos trimestrais, tanto para os trabalhadores independentes sem contabilidade organizada como para os que têm contabilidade organizada, mas optem pelo regime de apuramento trimestral. Os descontos também vão ser menores.