O défice pode finalmente desaparecer das contas portuguesas

As previsões do Conselho de Finanças Públicas indicam que poderá mesmo haver um excedente orçamental de 0,1%. isto porque se não fossem os efeitos da recapitalização do Novo Banco, o excedente poderia chegar aos 0,7%. Quanto ao crescimento económico, o CFP fez uma revisão em alta e aponta para um crescimento de 1,9%.

Sobre "25ª Hora"