O testamento revelador de um dos suspeitos dos atentados em Bruxelas

Ibrahim El Bakraoui e o irmão, já conhecidos das autoridades por banditismo, mas não por ligações terroristas, fizeram-se explodir.  O terrorista que não detonou os explosivos é  Najim Laachraoui e está em fuga.