"Saímos daqui com a garantia que todo o trabalho efetuado pelos profissionais será remunerado"

O presidente do SNMMP, Francisco São Bento,afirmou que a paralisação dos motoristas de matérias perigosas deixou de ter efeito e que o princípio de um acordo com os patrões significa que não deverão haver mais greves nos próximos meses.