TAP vai dispensar 86 funcionários que dizem ser efetivos

A TAP enviou cartas de caducidade de contratos a 86 tripulantes, mas os trabalhadores afirmam que já deviam estar efetivos na empresa. Este caso pode abrir uma guerra com a administração.

Sobre "Notícias"