Trabalhadores do BCP querem devolução de cortes salariais entre 2014 e 2017

Os trabalhadores do Millenium BCP concentraram-se, esta terça-feira, na sede do banco para exigirem a devolução integral dos cortes salariais, efetuados entre 2014 a 2017. Nesses três anos, e no âmbito de um plano de reestruturação, o banco cortou todos os salários, iguais ou superiores a 1000 euros brutos. Em 2018, o BCP obteve mais de 300 milhões de euros em lucros