Vara foi ao Parlamento e falou sobre a CGD, Vale do Lobo, Berardo e BCP

Ex-ministro e ex-administrador da Caixa Geral de Depósitos saiu da prisão de Évora por um dia, para responder na comissão de inquérito ao banco público. Recusou qualquer responsabilidade na concessão de créditos que se revelaram ruinosos e também afastou a ideia de ter existido interferência da CGD na guerra pelo controlo accionista do BCP. A cumprir pena desde janeiro, Vara falou, ainda, do martírio que está viver.