Escola queixa-se de falta de trabalhadores

Protesto na Secundária Inês de Castro, em Gaia, parou escola das 8h às 11h