Eutanásia: "No fim da linha, é sempre o Estado a decidir quem morre"

Francisco Mendes da Silva, comentador da TVI, afirmou entender que a constituição serve para tirar o poder dos Estados ou do soberano de decidir sobre quem é que tem ou não dignidade para viver.

Sobre "Notícias"