«Fazer algo assim em dia de jogo é porque era essencial na busca de prova»

Nuno Magalhães, jurista, falou sobre a detenção de Bruno de Carvalho e Mustafá.