FMI tem "responsabilidade criminal" pela crise da dívida soberana grega

Tsipras ao ataque num momento crucial nas negociações com as instituições. Texto: Filipe Caetano