"Foi racismo sim, por eu ser brasileira e por ser mulher"

Uma brasileira, com 36 anos, diz que foi detida injustamente pelo SEF, no aeroporto de Lisboa, apesar de garantir ter toda a documentação necessária para a viagem.
Vinha de férias para Portugal duas semanas e acabou detida. 
A cidadã brasileira garante que foi alvo de xenofobia, de racismo, e critica as condições do No Centro de Instalação Temporária do SEF e assume que ouviu outros detidos a serem agredidos pelos inspetores.