Garrafas de plástico e latas vão ter depósito de vasilhame

Governo vai antecipar-se aos prazos previstos por Bruxelas e, a partir do segundo semestre do ano que vem, passam a ser proibidos plásticos descartáveis. Os sacos de plástico mais espessos aumentam de preço e vai ser criada a taxa de vasilhame, para devolução de garrafas.

Sobre "Notícias"