O Governo já definiu os serviços mínimos para a greve dos motoristas de matérias perigosas que começa no sábado: ficam abrangidos os hospitais e serviços de emergência médica, instalações militares, forças de segurança ou bombeiros.mo