Governo diz que há margem para que o salário mínimo continue a subir

O ministro Vieira da Silva defende que há condições para que o salário mínimo continue a subir acima da inflação, mas não se quer comprometer com valores para os próximos anos. No relatório, apresentado esta quarta-feira, sobre os 45 anos do salário mínimo nacional, é dito que há cada vez  menos novos empregos a pagar 600 euros mensais.